FILMES, QUADRINHOS, MÚSICAS, LIVROS E PUTARIA - Download, Debate e Diversão!!! Se cadastre para entrar, reze para não ter que sair!!!
 
InícioInício  PortalPortal  FAQFAQ  MembrosMembros  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 RELIGARE (2005) de Alexandre Linck

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
LincK
Zelador Noturno
avatar

Número de Mensagens : 283
Data de inscrição : 15/04/2008

MensagemAssunto: RELIGARE (2005) de Alexandre Linck   Seg Abr 28, 2008 9:35 am

RELIGARE



Uma única verdade ou diferentes verdades para cada um...no que você acredita?

Estranhos eventos relacionados com crianças remontam o passado do professor de religião Miguel, trazendo revelações que podem mudar sua vida para sempre...


.............................................................................................................................................................

· exibido no festival universitário do RJ/2005
· exibido no FAM(Florianópolis audiovisual mercosul) /2005
· exibido no GRAMADO CINEVÍDEO /2005
· exibido no festival CATAVÍDEO-SC/2005
· exibido no Festival Olhares - 1° Festival de Cinema e Vídeo digitais da Universidade Federal de Viçosa 2006
· exibido no Festival CortaCurtas -- do programa RUMOS Artes Visuais 2005-2006 do Instituto Itaú Cultural.
· exibido no CINESUL 2006 -- Festival Ibero-americano -- RJ

..............................................................................................................................................................





Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
InVinoVeritas
Caso Terminal
avatar

Número de Mensagens : 74
Data de inscrição : 20/04/2008

MensagemAssunto: Re: RELIGARE (2005) de Alexandre Linck   Sex Maio 16, 2008 10:16 am

Falaí.
Cara, muito interessante. Eu gosto da maneira que cê trabalha os elementos dos seus filmes. Dá uma estética muito bacana. Mas nesse aí, o que me impressionou mesmo foi o som.

Gostei da trilha sonora, dos sons escolhidos para cada momento do filme, especialmente o putamerda aquele que fica batendo quando tem vento. Não lembro o nome. Eu gostei muito da trilha com as vozes de crianças, mas aquela cena, o barulhinho daquele troço, eu achei genial.

O ator principal é bom. Logo que eu vi ele aparecer eu pensei "Ih...", mas o desempenho do cara acabou fazendo eu engolir o meu "ih...". Ele está bem no filme. Eu não gostei muito da menina e do artista. Mas eram elementos secundários, e tal. A cena dos holofotes também foi muito bem construída, eu gostei.

Não vi exagero nenhum, não vi os pequenos problemas que vi no Oculto. Está bem melhor produzido. Dá pra ver que deu mais trabalho, tem ângulos mais diversificados, mas não sei se não prefiro o trabalho de câmera do Oculto. Eu achei interessante a câmera no teto, o jogo de holofotes, mas sabe o que me impressionou mesmo? A cena em que ele estende o braço pra pegar o papel. Ou seja... eu não sou um grande juiz pra essas coisas. De qualquer forma, é a minha opinião, né? Então continuo:

Eu achei que faltou um pouco de trabalho da imagem do menino. Porque enquanto assisti o filme eu percebi que aquilo era importante pra trama, vi que deveria sentir mais curiosidade, mas continuei mais ligado no personagem. E não era essa a sua intenção, né? O cara deveria estar mais curioso a respeito do menino misterioso que aparece nos desenhos. Mas comigo não foi. Acho que alguns closes, algumas cenas a mais, teriam ajudado. Impressão minha.

Outra coisa. O professor é um cara calmo o filme inteiro. De repente ele começa a destruir a casa. Eu acho que isso merecia ou uma cena mais longa, pra mostrar a tensão escalando (porque o personagem não me parece do tipo que faz isso... sem um tratamento a coisa fica meio artificial) ou um corte seco, sem precisar mostrar ele destruindo nada, o que não condiz muito com a atuação dele. E deixar pro pessoal imaginar como ele foi parar ali com tudo caído, e quanto tempo se passou. Comento isso porque achei a cena meio estranha, do nada ele se irritar.

Eu acho interessante essa coisa de interpretação aberta. Cê provavelmente aprendeu os fundamentos da arte, da mesma maneira que eu; sabe que a arte deve perturbar, provocar, incitar, bem como vários outros "ar". Se você entrega tudo mastigadinho pro cara que está assistindo, isso diminui a mensagem da sua obra, obrigatoriamente. O que eu tive que fazer, no roteiro do Urubu. Mas enfim. Cê deixa o cara que assite só com os elementos necessários para produzir uma interpretação da história. Atira isso no colo dele e fala: "pensa". Eu gosto disso.

Ah, mais uma coisa. Achei o tempo meio embaralhado. Como é o mesmo personagem, de repente rola uma cena em que ele está em outro tempo, em outro lugar, você tem que parar pra se localizar. "Opa. Peraí. Onde estou, quem sou, pra onde vou? Ah, tá, entendi. Pode tocar." Mas nesse ponto você já desviou sua atenção e não se envolveu mais na história. Se você usasse um recurso que diferenciasse isso mais efetivamente, o filme seria mais envolvente. Uma cabeleira no ator, uma barba, roupas chamativas, sépia ou preto e branco... sei lá. Só pra te comunicar a dificuldade que tive.

Como cê vê, eu olho tudo pela perspectiva do fluxo de texto. Eu não tenho grande jeito pra entender cinema. Só consigo comentar o que vejo nas coisas. E geralmente olho mais pro lado do que me incomoda do que pro lado do que me parece legal. É inevitável, somos uns macacos carecas que adoram jogar merda, né? Mas gostei do filme. Da mesma forma que Oculto, é superior a muita coisa internacionalmente distribuída que ando baixando no computador.
Laughing Laughing Laughing

Ah, e eu não falei muito do diretor no outro comentário porque me parece óbvio, né? Cê que conjugou todos aqueles elementos, pô. Mas vamos combinar que ficar pedindo crédito é total e completamente gay de sua parte.
Twisted Evil

Que foi? Não gostou?
_______________________________________________________________________
Pisa do outro lado dessa linha, procê ver!!!
Mad
Abração.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
LincK
Zelador Noturno
avatar

Número de Mensagens : 283
Data de inscrição : 15/04/2008

MensagemAssunto: Re: RELIGARE (2005) de Alexandre Linck   Sex Maio 16, 2008 4:46 pm

Laughing Laughing Laughing Laughing


Vino, o fato de eu responder muitas coisas é apenas para dar uma atenção a quem se deu o trabalho de ver. Não me magoo ou me ofendo com nada de forma alguma. De verdade. Muitas vezes discordo, mas como já disse, esses são filmes que fiz faz algum tempo, e creio q hj os faria completamente diferentes. Manteria pouco do q eles são.

Qto suas críticas ao Religare desta vez acho que batemos mais perto. Até hj o q eu gosto no Religare é a montagem de som ligada aos cortes. Principalmente no final. Religare ficou com uma pontuação mais musical (inclusive o sussurro de trás pra frente das crianças) do q uma pontuação imagética. No mais, vejo problemas sim nas atuações q tu apontou e só me esclareça uma coisa... onde tem holofote no filme??? Shocked Laughing
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
InVinoVeritas
Caso Terminal
avatar

Número de Mensagens : 74
Data de inscrição : 20/04/2008

MensagemAssunto: Re: RELIGARE (2005) de Alexandre Linck   Sex Maio 16, 2008 5:12 pm

Ok... a cena escura, tudo escuro, menos por um foco de luz em cima do personagem, iluminando direto pra baixo pra dar a impressão de sufocamento e espaço...
Razz
Ou, como cê mesmo me falou pelo MSN, "luz pontual de cima, superior... ou um fresnel."
(Pessoal pode se perguntar por que estou respondendo se já falamos isso no MSN... foi idéia do Linck, caso alguém mais tivesse curioso. Wink )
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
mozersouza
Peixe Fresco
avatar

Número de Mensagens : 3
Data de inscrição : 13/08/2008

MensagemAssunto: Re: RELIGARE (2005) de Alexandre Linck   Qui Ago 14, 2008 1:23 am

Minha opnião, não sou um crítico de cinema nem uma pessoa que vive assistindo mto, porém adoro ver filmes, curtas e tirar idéias deles, pois são com pequenas produções como essa que mostram não ser preciso uma estrutura enorme, com mto disso e daquilo pra se montar algo realmente bacana e que faça refletir muito bem.

Quanto ao cenário e coisas do genero, foi gravado em Santa Catarina, a praça na qual Miguel e Jonas estão conversando é de Florianópolis, já vi outros trabalhos do rapaz que faz o Miguel e pra ser sincero se for quem estou pensando, já fez o Ângelo o Coveiro e tudo mais, adoro os trabalhos dele, as peças e tudo mais. Tão pouco não podia esperar disto, espero não estar enganado.

Realmente gostei, vou te adicionar estes videos no meu orkut pra não perder os links.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: RELIGARE (2005) de Alexandre Linck   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
RELIGARE (2005) de Alexandre Linck
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Alexandre desaparecido
» Vendo KTM 125 SX 2005 2300 E
» vendo ktm 125 exc 2005
» ktm 250 sx 2005
» Óptica KTM 2005 a 2007

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
A.S.I.L.O :: OFICINA :: Mural-
Ir para: